Compartilhe essa Notícia:


A Prefeitura de Trizidela do Vale, através da Secretaria Municipal de Infraestrutura, recuperou mais uma ponte na zona rural do município. Dessa vez, os moradores da comunidade Jabuti foram os beneficiados pelas obras promovidas na gestão do prefeito Fred Maia.

Devido à deterioração decorrente da ação do tempo, o tablado colocado sobre as peças de madeira já estava estragado e, mediante ao problema, a administração solicitou com urgência a recuperação da estrutura. A ponte fica localizada em uma importante via de acesso, que serve tanto para o escoamento da produção agrícola como também para o tráfego dos moradores até a sede do município. 

A Secretaria de Infraestrutura, só este ano, já recuperou mais 8 pontes de acesso, objetivando facilitar o tráfego de veículos dos produtores rurais, bem como o transporte dos alunos que vão à escola todos os dias.

Para o prefeito Fred Maia este trabalho consiste em garantir melhor acesso aos moradores dessa comunidade. “Sabe-se que durante o inverno é claro e evidente que as dificuldades são encontradas, mas garanto que estarei buscando meios que possam contribuir com a população da zona rural, facilitando um melhor acesso até a cidade. E assim que cessarem as chuvas o trabalho de melhorias das estradas também continuará a todo vapor”, destacou o prefeito.

Desta vez, os homens da prefeitura realizaram o trabalho com mais consistência, colocando tábuas novas sobre as demais que dão sustentação à estrutura da ponte, garantindo que o benefício resista por muito mais tempo, proporcionando tranquilidade e segurança aos moradores.

Antes
Depois
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

1 Comentários

  1. Carlinhos quem é o prefeito que comprou mais uma caçamba para alugar para própria prefeitura e quem dirige são os próprios funcionários a caçamba pertence a uma empresa que presta serviço para o município a empresa é do pai do ex-vereador além dessas caçambas tirando renda para o município o prefeito está construindo um galpão ao lado do posto ninguém sabe de onde vem tanto dinheiro tá na hora da justiça começar a investigar

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA