Compartilhe essa Notícia:


Em pronunciamento na tribuna da Câmara, o deputado federal Hildo Rocha elogiou o presidente Bolsonaro pela sanção do Projeto de Lei Complementar nº 39, que virou a Lei Complementar nº 173, dispositivo legal que garante auxílio a todos os Estados, o Distrito Federal e os 5.570 Municípios do Brasil.

“O Maranhão vai receber 1 bilhão, 579 milhões de reais. Só ao Governo do Maranhão serão destinados 982 milhões de reais, divididos em 4 vezes. Todas as prefeituras do estado também serão beneficiadas. A Capital do Estado, São Luís, por exemplo, vai receber 92 milhões, 928 mil e 715 reais, são recursos que, se bem usados, sem dúvida nenhuma, haverão de evitar que mortes venham a ocorrer por causa da pandemia da Covid-19”, destacou Hildo Rocha.

Fiscalização forte

Rocha enfatizou que irá fiscalizar a aplicação dos recursos transferidos aos estados e municípios. “Irei exercer o meu papel de fiscal dos recursos públicos federais. Alguns Estados não estão dando a devida transparência aos gastos, ao uso desses recursos que estão sendo encaminhados, muitos estão usando indevidamente o dinheiro, por isso nós parlamentares federais que estamos ajudando a transferir recursos para estados e municípios, temos a obrigação de fiscalizar o uso desse dinheiro”, disse o parlamentar.



Falta transparência

De acordo com Hildo Rocha, até agora não se sabe onde o governador Flávio Dino aplicou os 43 milhões de reais das emendas impositivas de bancada e os outros recursos que também já foram transferidos pelo governo federal ao Governo do estado.

“Espero que o Governo do Maranhão faça o uso correto desses recursos, porque os outros recursos que já foram encaminhados para o Maranhão, inclusive os 43 milhões de reais das emendas impositivas de bancada que nós enviamos ao governador Flávio Dino nós não sabemos onde e como ele aplicou esses recursos. Agora, mesmo sendo adversário político do Flávio Dino, estou conseguindo junto com os outros parlamentares federais de oposição encaminhar recursos federais no sentido de ajudar a salvar vidas”, frisou Hildo Rocha.

Leitos de UTI’s

Novamente, o parlamentar maranhense voltou a enfatizar que os 43 milhões de reais destinados pela bancada federal ao governo do estado podem ser bem utilizados na implantação de leitos de UTI, tendo em vista que o Maranhão é hoje o Estado do Nordeste brasileiro com a menor quantidade de leitos de UTI por habitante.


⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

12 Comentários

  1. Obrigado Capitão Bolsonaro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ESSE DINHEIRO É DO POVO GADO FERRADO
      ELE NÃO TÁ FAZENDO NEM UM FAVOR.

      Excluir
  2. Com a DITADURA MILITAR que será instituída pelo nosso CAPITÃO Bolsonaro,e o fim do congresso e STF o Brasil será diferente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ignorante, não sabe o que diz.

      Excluir
    2. O QUE É DITADURA PARA VOCÊ? MIM RESPONDA AI!

      Excluir
    3. Não temo essa ditadura vai ser 17 bala entereçada nesses facista, racista que si dizem cidadão de bem.

      Excluir
  3. NA HORA QUE TOCA O BERRANTE O GADO FICA AFRONTANDOS, ESSES GADOS FERRADOS TEM POLITOS DE ESTIMAÇÃO
    E ESSE VELHO É CRIA DOS SARNESARNEYS.

    ResponderExcluir
  4. E muito chifre também kikikiki!

    ResponderExcluir
  5. Os ESQUERDISTAS, só a morte. Rebentaram com o país, e agora, a todo custo querem bloquear o governo BOLSONARO! Não tem jeito, quando o povo quer , Deus abençoa, o homem será PRESIDENTE NOVAMENTE !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O PRÓPRIO PRESIDENTE É IRRESPONSÁVEL, NÃO TEM PERFIL DE UM PRESIDENTE DA REPÚBLICA.
      ATÉ AGORA NÃO DISSE REALMENTE O QUE VAI FAZER PELO O NOSSO PAÍS.
      SÓ ASNEIRA, DESRESPEITO COM A NAÇÃO, NÃO PASSA DE UM ARRUACEIRO, ARROGANTE E PREPOTENTE.

      Excluir
  6. Dinheiro mesmo que é bom, até agora, só migalhas, já no papel é dinheiro muito, só que o mundo se acaba e esses valores não chegam às contas dos municípios, assim também, como nas contas do governo do estado...Só miguelagem desde presidente sem noção...

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA