Compartilhe essa Notícia:

 
O debate entre os candidatos a prefeito de Trizidela do Vale Deibson Balé e Vinicius Louro começou a ser divulgado na noite de terça-feira (3) nos grupos de whatsapp sem a anuência da coligação Juntos Por Trizidela do Vale, que tem como candidatos Deibson Balé e Gustavo Brandão. 

Erros graves foram fundamentais para a tomada de decisão. O Sistema de Comunicação Rio Flores não comunicou à justiça eleitoral o “suposto” debate, ferindo o Artigo 46, inciso 4 da Lei 9504/97 e artigo 44 da Resolução 23.610/2020. Bem como não deixou claras as regras do referido debate. O procedimento requer que o meio de comunicação informe ao Cartório Eleitoral a que o município está sujeito todo o procedimento do debate eleitoral. E isto não foi feito. 

Trata-se de um veículo de comunicação de propriedade do Senhor Raimundo Louro, pai do candidato a prefeito Vinicius Louro. Entende-se, portanto, ser um campo minado para o adversário, onde a lisura do processo pode ser ou está comprometida. Outro ponto de destaque em toda essa história de debate entre Deibson Balé e Gustavo Brandão foi a ampla divulgação do debate, numa clara tentativa de criar um factoide político.
 
Deibson e Gustavo Brandão lideram todas as pesquisas até o presente momento. A última com quase 45% à frente do segundo colocado. O suposto debate parece ser uma tentativa desesperada de quem já reconheceu sua derrota no pleito de 2020.

Trecho da decisão da juíza eleitoral. 




⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

1 Comentários

  1. Rapaz esse Raimundo louro tá desesperado, e como diz meu amigo mozaniel, esse Raimundo louro e malandro, kkkkmm

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA