Compartilhe essa Notícia:

Torre do Castelo desaba e interdita parte da avenida de Pedreiras 


Horas depois da queda da torre do Castelo de Leicam, fato que entristeceu os moradores de Pedreiras  ( Leia mais aqui ), o governo da prefeita Vanessa Maia, apresentou o Plano Municipal de Contingência Inundações e deslizamentos. O Plano elaborado pela Defesa Civil Municipal, estabelece procedimentos a serem adotados pelos órgãos envolvidos na resposta a emergências e desastres ocasionados pelas chuvas esperadas para os próximos meses.

BONITA FOTO
Horas depois da queda da torre, prefeita Vanessa registra fotos com defesa civil, bombeiros, polícia militar e exército 


De acordo com a prefeita Vanessa Maia, o Plano é estruturado a partir do mapeamento das áreas de risco da cidade, quando foi feito a setorização do risco e o diagnóstico dos graus de probabilidade. No documento também são definidos as funções de cada setor durante as diversas ações. Esse Plano contempla desde organização de possíveis abrigos à assistência médica, lembrando que devido a pandemia do coronavírus, os cuidados com a saúde da população devem ser redobrados.

"Nós temos dois grandes desafios, a possível enchente e a pandemia, que ainda não acabou. Então, nosso cuidado com a saúde dos pedreirenses e, em especial, da população atingida, será redobrado. Todas as nossas secretarias estão envolvidas e disponíveis para ajudar", reforça.

No caso do Castelo,  depois da queda da torre, especula que ele será demolido. Uma medida anterior poderia ter evitado o fim da famosa edificação de Pedreiras. 

Imagem que entristeceu os moradores de Pedreiras 

Trizidela do Vale se antecipou

Já o prefeito da vizinha Trizidela do Vale, se antecipou aos perigos das primeiras grandes chuvas. No último dia 12, Deibson Balé e o coordenador da Defesa Civil Municipal, Otone de Sousa, reuniram-se com todos os secretários e membros do Corpo de Bombeiros no gabinete do palácio para tratarem sobre o Plano de Contingência Municipal.

 

O objetivo foi traçar as ações de enfrentamento de possíveis inundações em razão da intensificação das chuvas sobre a região. Dias depois chuvas intensas começaram a cair na região e o município estava articulado e preparado, com ações de limpeza e recuperação de passagens de água e bueiros por toda cidade; além de outras medidas de segurança.

Bem antes de cair as primeiras fortes chuvas, Deibson Balé se reuniu e articulou com secretários, defesa civil e bombeiros plano de contigência 

Em virtude das ações preventivas do prefeito Deibson até o momento Trizidela do Vale não teve registros de incidentes ocasionados pela chuvas, sequer enchentes ou enxurradas.

Prefeito Deibson Balé afirma que Trizidela do Vale já está pronta para enfrentar possível período de enchentes

https://www.carlinhosfilho.com.br/2021/02/prefeito-deibson-bale-inicia.html

 

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA