Compartilhe essa Notícia:

 

Um homem foi assassinado na noite de sábado (27), na cidade de Bacabal (MA)


O esfaqueamento fatal aconteceu durante forte chuva em Bacabal 

Segundo informações de testemunhas, Sávio Carvalho Silva, de 20 anos de idade, invadiu uma casa, na Travessa Clóvis Miranda com a Rua Carlos Pereira, onde funciona supostamente uma boca de fumo; e com uma faca ameaçou várias pessoas que estavam se drogando no local.

A vítima iniciou luta corporal com três homens, chegando a ferir um deles, identificado como Diógenes, com golpes de faca na mão e nos dedos.  Diógenes tomou a faca de Sávio e passou a golpeá-lo por cerca de 30 vezes.

O crime aconteceu no momento de forte chuvas na cidade. Sávio Ficou caído na rua e foi socorrido por populares para o Hospital Laura Vasconcelos, mas chegou sem vida na unidade.

Sávio, 20 anos, morreu depois que foi atingido por cerca de 30 facadas 

 

A polícia foi chamada e rapidamente prendeu Diorgenes em flagrante.

O acusado é natural de Pedreiras, confessou que foi o autor dos golpes de faca em Sávio Carvalho, justificando que a vítima costuma aterrorizar a população, praticando roubos de aparelhos celulares.

"Esse Sávio  é um dos safados que andam roubando celulares e atormentando a população. E todos que chegarem lá na minha porta vai ser desse jeito... porque aqui agora tem lei," disse o suspeito em entrevista ao repórter Romário Alves.

Diógenes: "Eu matei ele sozinho!"

 

Ainda segundo as informações, o pedreirense Diógenes pertence a uma facção criminosa que age em Bacabal e cidades vizinhas.

A esposa da vítima, que testemunhou o esfaqueamento afirmou a Polícia Militar que o suspeito agiu em companhia de mais duas pessoas. Diógenes negou essa versão dizendo que agiu sozinho e não está arrependido. 

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA