quinta-feira, 7 de julho de 2016
O plenário da Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema) aprovou na sessão dessa quarta-feira (6) o requerimento coletivo assinado pelos deputados maranhenses pedindo ao presidente da República em exercício, Michel Temer, e ao ministro dos Transportes, Portos e Viação, Maurício Quintella, que o governo federal repasse a duplicação obra de duplicação da BR-135, executada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), para o Exército Brasileiro.

Os deputados pediram à Mesa Diretora o envio com urgência do requerimento nº 351. Dos deputados presentes, apenas um votou contrário à proposta, alegando que o Exército geralmente usa suas obras para fazer aprendizado e como órgão público terá dificuldades para agilizar licitações de compras, tornando o trabalho lento.
Continua....

No último fim de semana, oito pessoas morreram em um acidente grave envolvendo uma caçamba e um veículo de passeio no Km 36 da BR-135, o que trouxe novamente à tona a necessidade de conclusão da duplicação da rodovia.

Obras em ritmo lento

No início desta semana, o Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon/MA) oficiou o Ministério Público Federal (MPF) a fim de que cobre do Dnit a conclusão imediata das obras da BR-135. Além dos transtornos causados à segurança dos cidadãos, a demora na conclusão das obras de duplicação da BR-135 têm causado diversos prejuízos aos consumidores e fornecedores maranhenses, como encarecimento do custo do frete de mercadorias, atraso na entrega de carga e até perda de encomendas em acidentes, dentre outros.

No início do ano, o governo do Estado chegou a solicitar do governo federal a responsabilidade para concluir a obra, mas a solicitação não foi atendida. Assim sendo, o Procon segue as diretrizes do governo do Maranhão para obter o término da duplicação da BR-135, juntamente com a bancada federal de deputados maranhenses, para cobrar o MPF, a quem compete fiscalizar omissões administrativas no âmbito federal.

O Dnit disse que a duplicação da BR-135 está em andamento e que os serviços vão ser intensificados a partir deste mês. O departtamento reforçou ainda que o prazo de entrega da obra está mantido pra abril do ano que vem.


O imparcial

4 comentários:

  1. Excelente, quem devia assumir todas as rodovias brasileiras era o Exército Brasileiro, estive no Piauí e olhei umas rodovias bem cuidadas bem estruturadas e a vegetação na margem aparada, vias bem sinalizadas. Agora com a ação do Exército Brasileiro na BR 135 vcs vão ver o que é uma rodovia bem feita e com o dinheiro bem aplicado.

    ResponderExcluir
  2. Essa duplicação começou a mais de dez anos no desgoverno dos Sarneys e nunca saiu da terraplanagem, só entrando dimheiro e eles roubando.

    ResponderExcluir
  3. deviam colocar pra trabalharem eram esses vagabundos que estão presos

    ResponderExcluir
  4. deviam colocar pra trabalharem eram esses vagabundos que estão presos

    ResponderExcluir

Facebook

Visualizações deste blog desde março de 2012

Bruno e Marrone em Lago da Pedra


Publicidade:


,

+ Lidas