segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Hildo Rocha realiza nova ação para garantir liberação de recursos para a Uema



Com o objetivo de discutir acerca da liberação de recursos e outras demandas da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), o deputado federal Hildo Rocha (PMDB) e o reitor da Universidade Estadual do Maranhão Gustavo Pereira da Costa foram recebidos em audiência pelo Ministro da Educação, Mendonça Filho.

“Em novembro do ano passado, apresentei emenda substitutiva ao orçamento de 2015, por meio da qual destinei R$ 2 milhões para investimentos e R$ 3 milhões para adequação do prédio próprio cidade de Itapecuru-Mirim. Mas, até o momento os recursos não foram liberados”, explicou Rocha.

Continua...


Entraves burocráticos

Segundo o parlamentar, a liberação dos recursos acontecerá mediante a solução de questões burocráticas e administrativas. “Por isso, solicitamos audiência com o ministro. Não podemos ficar de braços cruzados. Temos que arregaçar as mangas e cair em campo, pois só assim conseguiremos destravar o processo”, declarou Rocha.

Modernização e adequação

A UEMA de Itapecuru-Mirim funciona num prédio doado pelo Governo do Estado que antes abrigava uma escola de ensino básico.  “Na semana passada visitei a Uema e conheci o projeto de adequação do Campus de Itapecuru-Mirim. Percebi o interesse dos dirigentes da instituição. A universidade fez a parte que compete à instituição. Agora, que o projeto está pronto, dependendo apenas da liberação dos recursos, mais do que nunca, devemos somar forças para conseguirmos superar as dificuldades que impedem a finalização do processo” destacou Rocha.

Além da questão da adequação do prédio do Campus de Itapecuru-Mirim, também foram debatidos no encontro: a conclusão do prédio do Centro Multidisciplinar de Pesquisa e Extensão em Aquicultura (Cempea), localizado no Campus Paulo VI; a disponibilização de um canal de televisão e implantação de novos estúdios de Rádio e TV do núcleo de tecnologia da informação UemaNet.

Assessoria.
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário