quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Juiz concede liminar permitindo ingresso de equipe de transição na prefeitura e secretarias de São José dos Basílios


Para facilitar o acesso as informações pertinentes a gestão municipal e viabilizar o ingresso do novo gestor, dando-lhe maior transparência, o juiz da Comarca de Joselândia, Bernardo Luiz de Melo Freire proferiu decisão limiar, pleiteada por meio de um Mandado de Segurança pelo prefeito eleito Creginaldo Rodrigues de Assis, o Farinha Paé, permitindo o ingresso de uma comissão de transição que será criada pelo mesmo, com o intuito de acompanhar de perto os últimos momentos da atual gestão, bem como avaliar a estrutura de funcionamento dos órgão públicos, para depois expedir á justiça um minucioso relatório das condições encontradas.
Farinha Paé, Prefeito Eleito 
Continua...


Farão parte do corpo de transição, nomeado pelo prefeito eleito Farinha Paé, Raimundo Luna do Nascimento, Jairo da Costa Pereira, Aldo da Silva Melo, Francisco Ivonei de Araújo Rocha e Vonei Mendes Pereira Júnior. O processo de transição já é um procedimento normativo e regular, corriqueiramente realizado em todas as gestões de forma natural, regulamentado por lei que assegura o princípio da transparência pública dentro do devido processo.


A comissão já formada irá trabalhar de forma harmoniosa com a intenção de municiar o prefeito eleito com informações estritamente necessárias para dá o melhor suporte técnico a sua futura administração. Além dessas informações que irá mapear as atuais condições estruturais do município, o prefeito eleito quer dá uma satisfação real de como se encontra o aparelhamento municipal, inclusive até sua atual situação financeira. Todo esse esforço já passa a ser uma demonstração de como será seu governo, pautado na transparência e no compromisso com o povo que o elegeu.   

Fonte: Blog do Lobão 

2 comentários:

  1. Pede o bloqueio das.contas no mês de Dezembro informações secretas dizem que ele não vai pagar ninguém no mês de novembro e Dezembro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O pedido já foi feito estamos esperando a justiça decidir.

      Excluir