segunda-feira, 26 de março de 2018

Tenente Neris e Soldado Renilma do 19º BPM participam de curso de capacitação para policiais em São Luís

Soldado Renilma e Tenente Neris do 19º BPM de Pedreiras 

Policiais militares da capital e interior do estado participaram do Curso de Capacitação em Policiamento Comunitário Escolar promovido pelo Comando de Segurança Comunitária (CSC) por meio da Ronda Escolar. O objetivo do curso é promover a capacitação e aprimoramento técnico dos policiais militares para o desempenho das atividades referentes ao policiamento comunitário escolar.

Coronel Augusta destacou a importância do curso para a Corporação e ressaltou o trabalho da Ronda Escolar que a cada dia vem diminuindo as ocorrências no âmbito escolar. “Com este curso os senhores (os militares) serão referência nas suas unidades, serão também  multiplicadores destes ensinamentos. Estudos apontam que com a presença dos militares da Ronda nas escolas houve um decréscimo de 87% de crimes em ambientes escolares ”, disse a comandante do CSC.

PMs da caputal e do interior participaram do curso em São Luís 
Para o coronel Pereira, o policiamento de proximidade é um modelo altamente eficaz no combate ao crime.  “O policiamento de proximidade cria um relevante vínculo do cidadão com a PM. O policiamento a pé, por exemplo, é um elo importante com a sociedade, no que concerne a melhorias na segurança e bem está de todos. A ronda escolar é um braço da instituição que previne que jovens ingressem no mundo do crime”, ressaltou o oficial.
Capacitação em várias áreas foi ofertada aos PMs durante o curso

O Curso de Capacitação em Policiamento Comunitário Escolar teve a duração de 32 dias, no período da manhã e tarde, os alunos receberam conhecimentos por meio de disciplinas como Direitos Humanos, Estatuto da Criança e do Adolescente, Legislação de Trânsito com ênfase no transporte escolar, Psicologia Aplicada ao Público Infanto-Juvenil, Prevenção ao Uso de Drogas Lícitas e Ilícitas, Socorrista, Armamento, Munição e Tiro.

O Tenente Neris e Soldado Renilma, do 19º BPM de Pedreiras, fizeram o curso, e disse qu além das novas habilidades apreendidas, eles estão aptos para promover essa capacitação para colegas de Pedreiras, bem como o restante do Médio Mearim.

“Esse treinamento é voltado para ronda na escola, que inclui conversar, dar palestras, é um modo diferente de trabalho da Polícia Militar. Não vamos ficar somente em combater o criminoso, isso seria dar murro em ponta de faca. Estamos habilitados para chegar na base da sociedade, que são os nossos jovens e as crianças, de escolas de ensino fundamental e média; as orientação que vamos levar servirão para dar norte para esses estudantes para que eles enxerguem o perigo da criminalidade, sobre isso tivemos uma cadeira sobre Políticas Antidrogas; e vamos levar essas informações para ajudar esses estudantes a não cair no mundo da criminalidade”, disse Tenente Neris.

 

O curso encerrou na última sexta, Tenente Neris e Soldado Renilma estão retornando para Pedreiras para por em prática o que aprenderam durante os 30 dias na capital. 

Imagens do curso 


























11 comentários:

  1. Acho que o único e principal curso do PM, é atirar em vagabundo.

    ResponderExcluir
  2. Mulher no trabalho ostensivo da PM, na violência que está o Brasil, é um passo atras na segurança publica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Impocrita uma pessoa com este pensamento e que não tem a capacidade que estar mulher tem, ai fala uma besteira desta..

      Excluir
  3. Parabéns aos oficiais, e que ponha em prática suas habilidades conquistadas neste curso. Tenente Neris esse tem feeling policial.

    ResponderExcluir
  4. Acho que você realmente não conhece a capacidade de uma mulher.

    ResponderExcluir
  5. Com todo respeito ao nobre cidadão que prefere se manter no anonimato para discorrer um comentário preconceituoso. Creio que passo atrás seja manter a mente fechada para as conquistas merecidas dessas guerreiras que não se intimidam diante do desafio que é lutar contra seres de piores espécies e como se não bastasse ainda sofrer comentários preconceituosos de de quem não tem nem coragem de mostrar a cara.

    ResponderExcluir
  6. So não entendo p q esse povo tem q fazer cara de mal.kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse "mal" que tu escreveste, está dizendo que o PM está doente, pois o termo certo que significa bravo, é o "mau", com U.

      Excluir
    2. Rapaz tu q ser bom de português q diabo tu faz na pm kkkk

      Excluir
  7. Soldado Renilma? Ele é ela?

    ResponderExcluir
  8. Essa oficial Renilma é competente e orgulha a classe das Mulheres oficiais militares, Parabéns. Não é fácil ser mulher, Mãe e ainda correr atrás de bandidos salgados. Siga em frente e tens nosso apoio enquanto sociedade do bem.

    ResponderExcluir