terça-feira, 17 de julho de 2018

Bebê espancada até a morte em Dom Pedro sofreu violência sexual

Bebê morta em Dom Pedro
Com base no exame cadavérico foi concluído o inquérito da morte da pequena Heloísa de pouco menos de dois meses de idade. O delegado responsável pelo caso, João Marcelino, disse em entrevista a TV Difusora que os exames apontaram que a bebê morreu vítima de espancamento e também sofreu violência sexual.

Entenda o caso
No dia 2 de julho, a recém-nascida com menos de 2 meses de vida foi levada para o hospital da cidade de Dom Pedro com várias lesões e sem vida pelo pai, um menor de idade de iniciais G.O, de 17 anos, que disse que a filha tinha se engasgado e estava sem ar. 

O médico de plantão suspeitou ao ver que a bebê estava com as duas pernas e a clavícula quebradas, hematomas na face e por todo o corpo e acionou a polícia.

A mãe, identificada como Nathália, de 18 anos, só foi até a unidade horas depois. O pai chegou a mudar  a versão, confirmada por ela, alegando que a pequena Heloísa tinha caído da cama acerca de uma semana mas que só agora decidiram buscar socorro.
 
Os dois foram presos em flagrante por suspeita de homicídio e ao prestarem depoimentos caíram em contradição. 

O delegado João Marcelino solicitou que o corpo da criança fosse encaminhado ao Instituto Médico Legal por conta das lesões e também requisitou que os peritos analisem se há indícios de violência sexual.

22 comentários:

  1. Esses 2 tem primeiro q sofrer e depois matar essas 2 desgraças

    ResponderExcluir
  2. Era para colocar esses dois aí numa fogueira queima eles dois vivo

    ResponderExcluir
  3. Misericórdia senhor Jesus.

    ResponderExcluir
  4. A humanidade está faltando amor pelo próximo.
    Ñ pode continuar os próprios pais fazer essa tamanha maldade com seu próprio filho .

    ResponderExcluir
  5. tanta maldade, Meu Deus

    ResponderExcluir
  6. esses dois merecem viver muitos anos de inferno aqui na terra!..que sejam torturados na cadeia assim como torturarao uma inocente sem piedade

    ResponderExcluir
  7. Merecer a morte disgraçados maldito

    ResponderExcluir
  8. Nesse caso aí eles merecem pena de morte ser torturados sem piedade são monstros 😢😢😢

    ResponderExcluir
  9. O Brasil tem que rer bena de morte pra estes tipos de crime

    ResponderExcluir
  10. Isso é apenas a certeza da impunidade,se a lei fosse dura pra criminosos esse país seria outro.Um país onde as leis sao feitas por ladroes e bandidos são encarregados de fazer valer a lei"com raríssimas exceções"infelizmente vamos continuar a ver tudo isso diariamente.

    ResponderExcluir
  11. Só tem duas leis que bandidos ainda temem, é bala e prisões de segurança maxima sem direito a regalias.

    ResponderExcluir
  12. Só tem duas leis que bandidos ainda temem, é bala e prisões de segurança maxima sem direito a regalias.

    ResponderExcluir
  13. Devem ser torturados a leite mel...a pior das torturas.😈😈

    ResponderExcluir
  14. Vejo que muitas pessoas esqueceram Deus. Muita crueldade com uma inocente indefesa.

    ResponderExcluir
  15. Quando ele chegar na presídio é só dizer que é estuprar aí ele vai arrumar mais ainda pra cabeça

    ResponderExcluir
  16. Miserável monstros fazer uma corvadia com uma ser tao inocente indefesa
    Quer a justiça seja feita

    ResponderExcluir
  17. pq essis vagabundas nã parte pro Homem qui é pra deixar eles só o bagaço, assa pilantra ainda fica td coitadinha na hora da intrevista, safada

    ResponderExcluir
  18. Meu Deus até a Onde o ser humano é capaz de chegar e demais 2 meses uma inocente que n pediu pra nascer merece a morte bem lenta esses dois 😈😈😈😈 AFF QUE ÓDIO

    ResponderExcluir
  19. Demônios desses,merecem a morte, uma criança que nem pode se defender. Misericórdia senhor.

    ResponderExcluir