quarta-feira, 10 de outubro de 2018

Idoso que foi assassinado na frente da esposa, na zona rural de Pedreiras, guardava mais de 70 mil dentro de casa


Seu Nem 
De acordo com informações do delegado Jânio Pacheco, titular do 1º DP de Pedreiras (MA), familiares afirmam que “Seu Nem”, guardava dentro de casa em um baú mais de 70 mil reais. 

Francisco Rodrigues do Nascimento, de 75 anos, conhecido como "Seu Nem" foi vítima de latrocínio na noite do último domingo (7). O delegado Jânio Pacheco foi entrevistado pela imprensa local e contou detalhes do caso. Seu Nem guardava essa quantia elevada dentro de casa, localizada no povoado Marimbondo, zona rural de Pedreiras , e várias pessoas da comunidade tinham conhecimento desse fato.   

No domingo à noite, quatro homens chegaram ao local em motos Fan; aproximaram da casa de seu Nem e efetuaram um disparo de arma de fogo contra a porta. Como a mesma não abriu, eles a arrombaram com um tijolo. 

Baú onde seu Nem guardava o dinheiro 
Seu Nem reagiu ao assalto e foi morto com um tiro na frente da mulher. A bala entrou pelo tórax e saiu pelas costas do idoso. Em seguida, os bandidos se apropriaram de cartões e senhas bancárias, uma espingarda, o dinheiro que estava guardado no baú e fugiram. 
Os bandidos atiraram na porta e em seguida arrobaram com um tijolo 
Ainda de acordo com o delegado Dr. Jânio, por volta das 22h30, a policia civil foi informada de que o corpo de uma vítima de latrocínio tinha dado entrada no hospital de Pedreiras. Investigadores da polícia civil estiveram no povoado Marimbondo, colhendo informações. Várias pessoas foram intimadas para prestar esclarecimentos na delegacia regional de Pedreiras. 

Seu Nem morava com a esposa. Um filho de crianção do casal mora numa casa aos fundos. As investigações seguem para identificar os criminosos. 

Jânio Pacheco lamentou a morte do idoso e orientou a pessoas a não guardarem altas somas em dinheiro dentro de casa. "É mais seguro manter o dinheiro depositado na poupança, onde rende juros", disse. 

8 comentários:

  1. Muito triste e revoltante.

    ResponderExcluir
  2. Meu Deus quanto crueldade. Pq ñ levaram so o dinheiro,deixava ele vivo.tinha q ter guardado esse dinheiro no banco, pra ñ atraí esses bandidos.

    ResponderExcluir
  3. não e o Brasil é alguém conhecido para não descobrir matou

    ResponderExcluir
  4. Muito estranho que a polícia investiga o filho dele é descubra o assassino.

    ResponderExcluir
  5. é por isso,que mesmo não valendo apena o cidadão de bem as vezes pratica atos que fogem de sua índole,vivemos a mecer do que é errado,bandidos tem mas direitos e proteção do que o cidadão de bem,que é pra nós defender nos condena a morte com essas leis frajuntas,as vezes chego a pensar ser bandido no Brasil realmente compensa,o cidadão de bem não pode,juntar economias,não pode comprar um carro uma moto,não pode usar um cordão de ouro porque corre o risco de perder sua vida,é o bandido tu pode, chega esses vermes que fizeram isso com esse senhor, aliás com qualquer pessoa de bem cadeia pra eles é pouco,CHEGA VEJAM SÓ COMO ESTÁ NOSSO PAÍS TEMOS A CHANCE DE MUDAR!

    ResponderExcluir
  6. esse caso é simples, tem alguem bem proximo envolvido...fita dada

    ResponderExcluir
  7. Espero que a policia faça uma investigação rápida pra descobrir e colocar essas almas sebosas na cadeia .

    ResponderExcluir