domingo, 18 de novembro de 2018

Porque Antônio França ganhou o prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor 2018

Antônio França, prefeito de Pedreiras 

Concorrendo com municípios de expressão do Estado do Maranhão, como São José de Ribamar, João Lisboa e Cururupu, a "Princesa do Mearim", Pedreiras, foi a grande vencedora do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor 2018, na categoria "Pequenos Negócio no Campo",  levando o gestor municipal Antônio França ao reconhecimento estadual e nacional ao lado de gestores como Edivaldo Holanda Júnior, de São Luis e outros, que também foram premiados em suas categorias.

A 10ª edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor é iniciativa que se dá em reconhecimento aos prefeitos e administradores regionais (no caso do Distrito Federal e Fernando de Noronha) que implantaram projetos com resultados comprovados com foco no desenvolvimento dos pequenos negócios dos municípios. A noite foi em homenagem a Juscelino Kubitschek por ter sido um presidente incansável ao empreendedorismo além do seu tempo.
O projeto “Agricultura Familiar: promovendo empreendedorismo no campo”, dando ênfase nas Feiras da Agricultura Familiar, nos trabalhos de aragem de solo nas pequenas propriedades, além de programas como o PNAE e PROCAF, dentre várias outras ações, foi o vencedor, e trata-se de uma iniciativa da Prefeitura de Pedreiras por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca com o apoio da Secretaria Municipal de Planejamento.

O empreendedorismo é a grande bandeira do Governo Honra e Trabalho, e tem sido levada a sério com políticas públicas de geração de emprego e renda, capacitações, implantação de projetos de apoio, principalmente ao micro e pequeno empresário, aos profissionais autônomos, e com uma visão de transformação social a partir do espírito empreendedor do pedreirense. Destaca-se iniciativas e parcerias com SEBRAE, SENAC, CREDIAMIGO, GOVERNO DO ESTADO, GOVERNO FEDERAL e outros.

O superintendente do SEBRAE-MA, João Martins, destaca a importância da premiação. “A 10ª edição do prêmio Sebrae prefeito empreendedor ela por si só, já é um evento relevante por abrir a oportunidade para que as prefeituras municipais possam apresentar projeto exitosos, de gestões municipais que tenham boas práticas que possam ser replicadas e reproduzidas para outros municípios do estado do Maranhão.  Continua...


Tivemos aqui municípios vencedores, resultado do comprometimento dos seus gestores que acreditaram na nossa proposta, que entenderam isso como um fator de transformação para seu município e logicamente para os cidadãos, empresários, empreendedores, no sentindo de gerar emprego e renda melhorar qualidade de vida e gerar resultados qualitativos para o município, tendo uma economia forte, consolidada e competitiva. Nós tivemos a grata satisfação de ter o município de Pedreiras, na pessoa do prefeito Antônio França, que logicamente que confiou na nossa proposta em trazer o empreendedorismo para as suas práticas administrativas e neste caso aqui -  Pequenos negócios no campo - que foi a categoria em que tornou-se o vencedor. Nós queremos não só parabenizar o prefeito mas também a toda a sua equipe que se empenhou e vestiu a camisa desde a elaboração do projeto até este momento de coroamento que é um momento em que você coleta o resultado de um trabalho que foi feito com planejamento e parcerias e o SEBRAE se sente vencedor, pois temos o nosso gerente,  Fábio André, da Unidade de Bacabal, que foi um parceiro de primeira hora, para que chegasse até esse momento. Parabéns, Pedreiras e ao prefeito Antônio França, prefeito empreendedor”, congratulou o dirigente.
“Toda honra e toda glórias seja dada a Deus. Foram muitos meses de luta, trabalho em equipe e planejamento na Sala do Empreendedor e na Secretaria de Agricultura. Só tenho a agradecer ao nosso prefeito Antônio França pela confiança e pelo apoio; ao SEBRAE, a todos os agricultores, a toda família da Secretaria de Agricultura; a toda equipe Honra e Trabalho. Obrigada, meu Deus. Obrigada, Antônio França”, disse, emocionada a secretária de Planejamento, Geudyvânia Melo, que tem uma grande parcela nesta conquista.
O secretário Municipal de Agricultura, José Wilson (Fifa), se empenhou juntamente com a sua equipe de profissionais, não apenas na elaboração, mas de forma muito especial, na execução de cada passo, o que construiu um enorme diferencial na vida daqueles que foram o principal objetivo do trabalho: o homem do campo, o pequeno produtor rural. “É muita satisfação ganhar o Prêmio Prefeito Empreendedor, através da Secretaria de Agricultura, da família SEMAP, através da família Honra e Trabalho e do nosso prefeito Antônio França, pois sem o seu  gente não iria a lugar algum.  É muito bom ver a agricultura familiar promovendo o empreendedorismo no campo, e graças a Deus, sendo vitoriosa em uma premiação tão importante. Diante de quatro fortíssimos concorrentes, saímos vencedores”, ressaltou.

“Estou muito feliz, principalmente com a nossa categoria que foi mais disputada, onde tivemos concorrentes  do porte de São José de Ribamar, João Lisboa e outros, em que percebemos a importância de estarmos trabalhando com esta equipe muito boa, que faço questão de citar a Geudyvânia (Planejamento), o Fifa (Agricultura), que foram grandes potencializadores para este prêmio que aqui recebemos e hoje saio muito feliz com o reconhecimento para com a nossa forma de trabalhar, isso mostra o nosso compromisso, a nossa responsabilidade com a questão pública. Agradeço a Deus, que ele nos permite viver este momento. Agradeço a toda nossa equipe, quem fez parte, quem torceu e quem contribuiu para ganharmos esse prêmio, e de forma especial aos nossos pequenos agricultores, que foram quem mais contribuíram, sendo parceiro do município. Agradeço, enfim, as pessoas que realmente vestiram a camisa junto conosco. Esse prêmio é para todos eles”, disse, agradecido o prefeito Antônio França, vencedor do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor 2018, pelo município de Pedreiras.


PRÊMIO SEBRAE PREFEITO EMPREENDEDOR

É uma iniciativa do Sebrae em parceria com a Confederação Nacional do Municípios (CNM), Frente Nacional dos Prefeitos (FNP), Associação Brasileira de Municípios (ABM), Frente Parlamentar da Micro e Pequena Empresa, Instituto Rui Barbosa (IRB), Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Movimento Brasil Competitivo (MBC), Associação dos Tribunais de Contas (Atricon), Secretaria da Micro e Pequena Empresa da Presidência da República, Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação e Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

O Sebrae distribui prêmios em oito categorias: Políticas Públicas para o Desenvolvimento dos Pequenos Negócios; Cooperação intermunicipal para o Desenvolvimento Econômico; Compras Governamentais de Pequenos Negócios; Pequenos Negócios no Campo; Inovação e Sustentabilidade; Empreendedorismo nas Escolas; Desburocratização e Implementação da Redes Simples e Inclusão Produtiva e apoio ao Microempreendedor Individual.

As ações têm com foco os pequenos negócios formais ou em processo de formalização, individuais ou organizados em consórcios e associações, podendo ser de qualquer setor e localizados em áreas urbanas ou rurais.
PROJETO “AGRICULTURA FAMILIAR: PROMOVENDO EMPREENDEDORISMO NO CAMPO”

Objetivos e metas do projeto

Promover maior inclusão social e econômica do homem do campo, contribuindo no desenvolvimento rural, criando condições para a valorização da Agricultura Familiar com alternativas inovadoras, diversidade cultural e natural do município.

Crescimento da produção rural com consequente valorização da mão de obra existente, além de permitir o fornecimento de alimentos com menor custo e adquiridos no mercado local, tanto para a população como para as escolas públicas (merenda escolar) proporcionando o acesso a alimentação saudável.

Ações da Prefeitura para o desenvolvimento e aumento da competitividade dos pequenos negócios no campo
Primeiramente, foram resgatados, reformulados e criados projetos e planos de ações da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, conforme orientação do Gestor Municipal e da Secretaria Municipal de Planejamento. A iniciar pela capacitação da equipe da Secretaria de Agricultura no que tange aos programas federais, estaduais e municipais que abrangem a Agricultura Familiar, promovidos pelo SEBRAE.

Foram realizadas parcerias com o SEBRAE, SENAR, SENAI, UEMA e os bancos oficiais BNB e BB, para que juntos fossem realizadas as capacitações, consultorias e os planos de negócio para quem pleiteava financiamento, bem como promovessem o desenvolvimento rural. O SEBRAE disponibilizou, com execução do SENAR, cursos como o NCR (Negócio Certo Rural), o qual incentiva a criação de novas empresas agrícolas e também o Seminário de Negócios no Campo, mostrando os caminhos a serem traçados para uma grande produção e comercialização.

A UEMA implantou no Campus de Pedreiras o curso de Extensão em Agroecologia, objetivando a produção agroecológica e trazendo sustentabilidade à produção. Dando segurança aos produtos dos agricultores, a Prefeitura juntamente com a AGERP disponibilizou o Programa Garantia-Safra, que promove proteção às lavouras contra queimada ou inundação, incentivando assim a produtividade. colocou em funcionamento a Sala do Empreendedor de Pedreiras, em parceria com o SEBRAE, outras instituições do sistema S, e agentes financeiros, para tratar da formalização dos pequenos produtores, conforme previsto na legislação de apoio aos pequenos negócios.

Promoção e comercialização dos produtos 

FEIRA DA AGRICULTURA FAMILIAR: A comercialização dos produtos dar-se por meio da Feira da Agricultura Familiar, a qual acontece na última sexta-feira de cada mês, onde estão cadastrados 150 agricultores e agricultoras do município de Pedreiras, além de recebermos produtores de outros municípios como Trizidela de Vale, Bernardo do Mearim e Lima Campos.

No ano de 2017, até março de 2018, foram realizadas 11 edições da Feira, que tornam possível a comercialização de produtos. A cada Feira realizada a Prefeitura de Pedreiras é responsável pela logística.

FESTIVAL DA BANANA E FESTA DO AGRICULTOR: Pensando em dar visibilidade a produção da banana no município e sua maior comercialização e exportação, foi promovido o primeiro Festival da Banana cujos objetivos foram a inclusão social e econômica do homem do campo, incentivar a produção local e divulgar a cultura. Dia 28 de Julho comemora-se o dia do agricultor. Em virtude disso, a gestão atual festeja esse dia tão importante, com uma Festa/Feira temática em comemoração à profissão que muito contribui para o desenvolvimento agrícola municipal, estadual e federal do nosso país.

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR – PNAE: Pedreiras, através de recursos do PNAE, na Zona Urbana atende 17 escolas com um total de 5.468 alunos e na Zona Rural 21 escolas com um total de 1.023 alunos, além da APAE e PESTALOZZI, somando 145 beneficiados. No total são 6.636 pessoas atendidas. No ano de 2017 o município de Pedreiras adquiriu o valor de R$ 215.500,00 fornecidos por três associações e 27 agricultores, um contingente diferente das gestões anteriores, pois não abrangia mais de uma associação, e 8 agricultores somando um valor de R$ 43.000,00. Em 2018, o PNAE está em execução desde o mês de março com 4 associações habilitadas e 63 agricultores, onde já foram fornecidos um total de R$ 18.968,00.

RESTAURANTE POPULAR: A partir da última semana do mês de janeiro de 2018, a Associação de Moradores do Povoado Trindade iniciou o fornecimento de produtos oriundos da Agricultura Familiar para o abastecimento do Restaurante Popular de Pedreiras que disponibiliza 600 refeições diariamente, os agricultores fornecem diversos produtos.

Incentivos para os pequenos negócios rurais
Cursos, Palestras e Seminários

Preocupada com o comércio de produtos agrícolas locais e a baixa comercialização dos mesmos, a Prefeitura Municipal de Pedreiras capacitou e investiu no conhecimento da equipe técnica, assim como dos agricultores, estes com cursos, seminários e assessorias técnicas realizadas por agrônomo, zootecnista e técnicos agrícolas.

Através de parceria com o SEBRAE e SENAR foi propiciado a 30 agricultores de diversos povoados do município o CURSO NEGÓCIO CERTO RURAL com aulas teórico-práticas para incrementar o negócio rural no campo. Foi ofertado também o seminário Negócios no Campo.

Em parceria com a Secretaria Municipal de Juventude e UEMA a gestão atual trouxe para o município o curso de Extensão em Agroecologia, onde contemplou 30 pessoas, sendo estas habitantes da zona rural.

Aragem de Solo

Buscou juntamente com os órgãos competentes a disponibilização de Patrulhas Agrícolas para aragem de solos, serviço este que é de suma importância para a produção e para o meio ambiente, pois este trabalho incrementa a produção e a produtividade por área, além de reduzir as queimadas que são um grande problema na nossa região, pois estas diminuem a qualidade do solo, agridem o meio ambiente e podem causar acidentes.

Foram aradas aproximadamente 800 linhas de produção, equivalendo acerca de 240 hectares, onde cada agricultor ou agricultora tinha direito a arar 5 linhas para que fosse possível atender o maior número de agricultores, totalizando 160 produtores atendidos no período de 3 meses.

Após o processo de aragem de solos, foram disponibilizados 2.780 quilos de sementes de arroz, milho e feijão, doadas pelo Governo Estadual e distribuídas a agricultura familiar, beneficiando 556 produtores. Em sequência a equipe técnica realizou o acompanhamento da produção auxiliando no plantio, germinação das sementes, nutrição mineral de plantas, adubação, irrigação, controle de pragas e doenças, colheita, pós-colheita e comercialização.

Criação de pastos para bovinocultura, caprinocultura e ovinocultura, assim como a criação de tanques para Piscicultura; Após todo o processo de aragem, plantio e colheita a gestão atual buscou mercados para a comercialização dos produtos da Agricultura Familiar, por meio de Feiras, Festivais, Programas Sociais e Comércio Local. Por fim, deu apoio ao Financiamento do Credito Rural nos Bancos de Crédito para os Agricultores, fortalecendo e dando maiores condições de produção.

Resultados alcançados 

A agricultura familiar conseguiu conquistar novos mercados, mais saúde, desenvolvimento local, fixação do homem no campo e maior renda.

Compra de mais de 30% do valor destinado pelo PNAE para a alimentação escolar em produtos da agricultura familiar.

Expansão do número de agricultores participantes do programa. Nas gestões anteriores o número de participantes limitava-se apenas em 8 agricultores e apenas uma associação contemplada.

A nova gestão incentivou na regularidade das associações do município, para mudar esse quantitativo, resultando tanto no número de agricultores quanto no valor de aquisição do programa. Mudando a realidade, onde não eram atingidos os 30% de aquisição.

A Feira da Agricultura e o Festival da Banana, veio ao encontro da necessidade de estruturar um ambiente para a comercialização da produção local e trouxe para a zona urbana um dinamismo novo para a economia, onde o pequeno agricultor traz sua produção, vende e realiza compras no comércio da cidade dos produtos que não conseguem produzir no campo, aquecendo a economia local e gerando mais empregos e renda também na cidade.

Maior variedade de produtos ofertados na feira da agricultura, hoje são em torno de pelo menos 140 itens, maior qualidade de vida para os produtores.

Ascom Pedreiras

10 comentários:

  1. Respostas
    1. Não pagou, mas infelizmente os outros eram piores do que o de Pedreiras. Sejamos razoáveis, sem querer rebaixar ninguém, principalmente o Fifa, mas o que foi que a Agricultura trouxe de novo, se quem implantou a feira foi o Leônidas, na administração do Totonho? Esse sim é que merecia o titulo, como,também, o analfa do Totonho Chicote. A feira era pra oferecer preços mais baixos. Não quero com isso, desmerecer os agricultores, pelo contrário; só vejo que, como não tem atravessador, deveria ser mais barato. Dessa forma, com certeza, teria uma maior clientela.Gente, é preciso inovar. É preciso saber gerir e não viver só de aproveitar o que um iniciou, sem trazer a sua parcela verdadeira de contribuição. Ah... Só mais uma observação: o prêmio, ou seja, o TITULO,na MORALZINHA, deveria ser dividido com o LEÔNIDAS E COM O TOTONHO CHICOTE. CHAMO ISSO DE DECÊNCIA, DIGNIDADE.

      Excluir
  2. Eita prefeito empreendedor,esse não perde mas para Niguem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Prefeito Empreendedor", não. Leia A SAGA DO PANGARÉ QUE VIROU CAVALO (está num blog da região). Isso aí é cavalo selado, por isso não se repetirá, pois 2020 tá bem próximo.

      Excluir
  3. Mesmo com críticas, é melhor que um monte de candidatos que estão se propondo a ser prefeito. Pra melhorar só dando um pé na bunda de Dr. Walter. Prefeito invista na população, e não em pessoas!

    ResponderExcluir
  4. Rapaz eu queria saber mesmo para aonde foram o milhões do Royalties do gás .

    ResponderExcluir
  5. parabens meu amigo fifa gente umilde parabens frança W/M

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falou certo: "umide", porque de HUMILDE, Antônio França passa é longe. Na realidade, ele é apenas mais um mal político que usa a boa fé pra se dar bem.

      Excluir
  6. A deficiência se observa até na escrita dos defensores. Todos defendendo o pão.
    Ô governo sem "onra". Kkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomara que esse defensor do "umilde", fique até o final do Governo Honra e Trabalho. Agora, véi, juro de coração, tomara que a secretária-vidente e o prefeito, também vidente, não sonhem com o deus deles, dizendo que é pra te exonerar, porque sinto muito te dizer, se a secretária não te exonerar, se tu for amigo, o prefeito, embora com lágrimas nos olhos, fará. Fica veaco, meu!

      Excluir