terça-feira, 30 de abril de 2019

Repórter de Pedreiras faz oração na cabeça de jovem preso para ele não voltar a furtar



A notícia sobre a dupla de jovens que furtou um comércio tem chamado atenção. Antônio Nelfran da Silva, de 22 anos e Moisés Teixeira dos Santos, de 19 anos, furtaram diversos produtos da mercearia Comercial do Zuca, na cidade de Joselândia (MA), madrugada de sábado para domingo (28).

Graças a informações de populares, que viram um dos indivíduos carregando saco de produtos nas costas, a Polícia Militar de Joselândia conseguiu prender os suspeitos. Eles foram encaminhados para a Delegacia Regional de Pedreiras, onde respondem pelo crime de furto qualificado.

A entrevista para o repórter

O repórter Jorge Henrique, da TV Ouro Vivo de Pedreiras, fez uma curiosa entrevista com um dos jovens detidos. Durante a conversa, Antônio Nelfran afirmou que até então, nunca tinha feito nada de ilegal e que também não tinha passagem pela polícia, mas confessou sua participação no furto ao Comercial Zuca. Ele afirmou que o colega "fez sua cabeça", convencendo de que seria fácil roubar a mercearia.

"Eu conheço ele [Moisés] só há 1 ano por aí, a ideia partiu dele, mas depois me arrependi. Ele ficou jogando as coisas do outro lado da janela e eu fui botando dentro de um saco, foram latas de cerveja, barbeadores, whisky, essas coisas", disse Antônio.

No final, o repórter Jorge Henrique realizou uma oração com o jovem. Ele colocou as mãos na cabeça de Nelfran, pediu para fechar os olhos e o fez repetir as seguintes palavras em oração: 


"Neste momento, eu me arrependo. Nunca mais eu vou arrombar, nem furtar para alimentar meu vício na cachaça. Amém".

O preso repetiu a oração, não conseguiu conter as lágrimas e declarou que não voltará a cometer mais crimes. 


Confira a reportagem na íntegra no vídeo 


9 comentários:

  1. Esse vagabundo é muito cara limpa ele é ladrão de moto e usuário de drogas cadeia nele.

    ResponderExcluir
  2. Esse vagabundo é muito cara limpa ele é ladrão de moto e usuário de drogas cadeia nele.

    ResponderExcluir
  3. A polícia de joselandia sabe quem é esse sem vergonha

    ResponderExcluir
  4. Bom trabalho do repórter. Parabéns amigo.

    ResponderExcluir
  5. Esse rapaz é filho de um trabalhador rural e de boa família,mais se juntou a vagabundos e tá aí o resultado

    ResponderExcluir
  6. Ainda e tempo de se arrepender!

    ResponderExcluir
  7. todo homem é maior que seu erro

    ResponderExcluir
  8. Vcs já prestaram atenção que sempre tem um religioso por perto de safadezas com intuito de aparecer???

    ResponderExcluir
  9. Ta assim por que quer, o seu pai maior exemplo de onestidade, e trabalhador que é n tem culpa

    ResponderExcluir