Compartilhe essa Notícia:

Anúncio aconteceu na manhã desta sexta-feira, dia 31


Prefeito de São Raimundo do Doca Bezerra, Séliton Miranda, hoje (31), pela manhã

O prefeito de São Raimundo do Doca Bezerra, Séliton Miranda, surpreendeu a todos e anunciou na manhã desta sexta-feira (31) um aumento de 13% nos salários dos profissionais da educação da Rede Municipal de Ensino.

O reajuste ultrapassa o Piso Nacional que foi estipulado pelo Governo Federal, definido em 12,84% em janeiro deste ano. A decisão, segundo o gestor, é uma questão de valorização à categoria. “Esse reajuste realmente foi muito alto em comparação aos outros anos. Mas vocês professores merecem 12%, 15%, 20% ou até mais, porque eu acho que o salário de professor tinha que ser maior. E esse reajuste de 12,84%, eu acho que vocês merecem mais, por isso a gente vai arredondar para os 13%”, declarou o gestor.

Os servidores efetivos da educação do município receberam com imensa satisfação a notícia inesperada. Pelo que está definido na Lei Federal 11.738/2008, e na Portaria Interministerial 3/2019, assinada pelos ministros Abraham Weintraub, da Educação, e Paulo Guedes, da Economia, o reajuste do piso nacional dos professores não pode ser menor que 12,84% em 2020.



Discurso do perfeito Seliton Miranda

O anúncio aconteceu durante um encontro com os educadores, com participação de secretários de governo, Gilvan Carrin (Educação), Gílson Uchôa (Agricultura), Antônio do Pistola (Assistência Social), vereadores, Edivan, Ediná e João Machado, e demais autoridades. O prefeito informou ainda que salário já com aumento estará nas contas dos servidores a partir desse sábado, dia 1. Depois dos discursos foi servido para todos os presentes um cofffee break (lanche).

Mais fotos 





⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

18 Comentários

  1. Enquanto em São Roberto ele faz é tirar, não nos deu o reajuste em 2018 e tudo indica que não nos dará em 2020. Talvez esse ano ele dê por causa da eleição

    ResponderExcluir
  2. O Mundim está nos devendo o reajuste de 2018 de 6,17% que não deu, e diz que vai dá 13% esse ano, mas ele dando esses 13% é porque tá devendo de 2018, só vai dá porque é ano de eleição só por isso e se realmente fizer isso.

    ResponderExcluir
  3. O Mundim está nos devendo o reajuste de 2018 de 6,17% que não deu, e diz que vai dá 13% esse ano, mas ele dando esses 13% é porque tá devendo de 2018, só vai dá porque é ano de eleição só por isso e se realmente fizer isso..

    ResponderExcluir
  4. Ele compra o blogueiro Carlos Barroso pra não postar comentários que não sejam conveniente ao Mundim, parcial.

    ResponderExcluir
  5. Um aumento bom, porém o salário continua muito menor que o de São Roberto e Barra Corda. Ainda estamos distante de uma valorização considerável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Continua abaixo porque a prefeita Arlene Uchoa não deu o reajuste no tempo dela, assim fica difícil acompanhar os outros municípios.

      Excluir
    2. são Roberto o salario é alto mas por q os outros prefeitos aumentaram, se dependesse do mundim seria o mais baixo da regiao.

      Excluir
  6. O Mundim nunca deu abonos, e o sindicato diz agora que não que o Mundim da se quiser.
    O Jerry todos os anos dava abonos, gordos para os professores.
    O Mundim não deu reajuste 2018 de 6,17%, 2017 só depois de ameaças da classe de professores de fazer protesto nas ruas, nessa época o sindicato ainda não tinha ganhado o terreno da prefeitura.
    Jerry todos os anos deu o reajuste para os professores e muitas vezes acima do nacional.
    A secretária de educação hoje escolhe a quem vai dá a licença prêmio, não segue um cronograma, uma perseguição contra aqueles que não seguem sua cartilha.
    Olha a diferença do antes e do depois gente, será se os professores ainda vão votar no Mundim?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc ainda dúvida ? Como diz o velho ditado amigo: quanto maior a taca, maior será a obediência .

      Excluir
  7. Se não fosse os aumentos que o Jerry dava nosso salário aqui em São Roberto era o pior da região, obrigado Jerry.

    ResponderExcluir
  8. Abono gordos meu Deus kkkkk conta outra história só me lembro de um abano gordo e só foi uma vez.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me fala do Mundim você recebeu algum abonos na vida? Bajular tem limites.

      Excluir
  9. Mundim cumpriu não deu o reajuste do piso nacional do magistério nem em 2018 nem agora 2020, se fosse no tempo do Jerry o sindicato já teria ido em Brasília falar com o Gilmar Mendes, mas com o Mundim fica caladinho de cabresto só ...

    ResponderExcluir
  10. Prefeito Mundim de São Roberto não deu o reajuste do piso nacional do magistério de novo! Já são dois anos sem aumento, e vai ganhar a reeleição com ajuda dos anencéfalos dos professores

    ResponderExcluir
  11. Todas essas cidades ainda está bom diante da situação critica dos professores de Esperantinópolis, sem reajuste , demissões de professores concursados, carga horaria aumentada, licença premia anegada dentre outras que não vale apena citar, perseguição total a essa classe. só muita oração e votar em alguém mais humano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esperantimopolis faz anos q ta atras das cidades visinha quando se fala de politica, e muitos de lá ainda se achando o tal kkk.

      Excluir
  12. Valha !!! Realmente só o povo de São Roberto comentou. E olha que até agora só tem uma defesa para o nosso prefeito mundim. Os outros comentários são contra a atitude é governo dele. Mas logo , logo o povo do governo vao passar a noite trabalhando. Kkkk postando comentários bons. Ôh gente eu lamento muito por tudo isso. E parabéns para o prefeito de São Raimundo, selito Miranda. Parabéns para meus colegas de profissão de São Raimundo. Respeitar e valorizar o professor é valorizar a educação dos seus filhos. 👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA