Compartilhe essa Notícia:


Em atualização divulgada através de Boletim Informativo nesta sexta-feira, dia 15, pela Semus, Pedreiras confirma mais dois óbitos pela Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. A cidade apresenta ainda mais 68 casos confirmados por testes, totalizando 231 casos positivos, com 34 curados.

O órgão informa que o 7º óbito trata-se de um homem de 72 anos hipertenso, com internação no Hospital Municipal Geral e Maternidade de Pedreiras, em estado gravíssimo desde o último dia 08; o mesmo aguardava liberação de leito de UTI. O paciente não resistiu e, infelizmente, faleceu às 15h desta quinta-feira (14).

Ainda segundo a nota da Semus, o 8º óbito refere-se a uma idosa de 91 anos também portadora de hipertensão arterial, com entrada no dia 12 de maio. A paciente foi regulada imediatamente na Central Interna de Leitos- CIL Estadual, mas aguardava liberação de leito de UTI. Infelizmente, o quadro da paciente se agravou e ela veio a óbito.

Evolução dos Casos:

Pacientes internados no Hospital Municipal de Pedreiras:

Até o horário desta atualização, tínhamos 22 pacientes internados no HMGMP, destes 04 pacientes graves regulados aguardam liberação de leito de UTI pela Central Interna de Leitos- CIL Estadual e 18 pacientes estáveis em assistência médica, sendo 05 casos já confirmados e 12 casos suspeitos aguardando resultado de exames.

Pacientes internados em outros municípios:


02 pacientes permanecem em estado Grave nas UTI’s em outros municípios do Estado (01 no Hospital Presidente Dutra e 01 no Hospital de Bacabal).

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

2 Comentários

  1. os pedreirenses ainda não aprenderam a lição de #fica em casa.durante todo o mes de abril e começo do mes de maio, o movimento na av. rio branco estava de lascar.graças aos pedreirenses, toda a região do médio mearin esta contaminada pela covid-19.
    cidades como poção de pedras,esperantinópolis, igarapé grande,benardo, estão com pessoas contaminadas,pelo fato de as pessoas terem ido a pedreiras.agora o vírus esta sem controle na nossa região.

    ResponderExcluir
  2. As pessoas de toda região ainda não se deram conta da gravidade do COVID19 na saúde de todos e com maior gravidade e letalidade (morte) nas pessoas idosas e com doenças pre-existente como diabretes, pressão alta, colesterol alto etc. Só vão levar a sério quando for alguém da própria família. "#ficaemcasa"

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA