Compartilhe essa Notícia:


A Polícia Civil de Lago da Pedra efetuou a prisão em flagrante de um homem de iniciais D.S.S, de 19 anos. Ele foi preso enquanto trafegava pela Rua Duque de Caxias, próximo à "Lavanderia" em atitude suspeita.

Após ser abordado pela equipe de investigação, foi encontrado com ele um revólver calibre.38. Em sua defesa, o indivíduo disse que tinha alugado a arma de um amigo de iniciais A.C.R.N, cujo endereço foi informado por ele.

Com apoio da Guarda Civil Municipal, a equipe se deslocou ao referido local onde foi encontrado e dado voz de prisão à A.C.R.N. que, diante da situação de flagrante, foi feita uma revista minuciosa na casa, sendo encontrado 84 envólucros contendo maconha e uma espingarda calibre .32. Os objetos pertenciam ao pai do homem.

A residência localizada na Rua Bandeirantes, no Bairro W. Filho, também funcionava como um bar que servia de fachada para a venda de entorpecentes. E o pai do último indivíduo abordado já estava sob investigação há um tempo diante de várias denúncias que chegavam à Delegacia. Ele finalmente foi preso pelos investigadores diante das acusações de tráfico de drogas.

Além dos objetos citados, foram apreendidos naquela residência uma quantia de R$ 13.469 (treze mil quatrocentos e sessenta e nove reais) em moedas e notas de todos os valores. Após as formalidades legais, os conduzidos ficaram à disposição da justiça.
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

5 Comentários

  1. Parabéns para a Polícia Civil e a Guarda Municipal da cidade de Lago da pedra

    ResponderExcluir
  2. Drogas dá Dinheiro e cadeia também

    ResponderExcluir
  3. Parabéns as instituições que estão trabalhando juntos

    ResponderExcluir
  4. MAIS AINDA TEM MUITA BOCA DE FUMO PRA SER FECHADA E OS TRAFICANTES PRESOS É SÓ A CIVIL INVESTIGAR UM POUCO MAIS, POIS TEM BOCA DE FUMO ABERTO 24 HORAS SÓ NÃO VÊ QUEM NÃO QUER.

    ResponderExcluir
  5. Policia do brasil é igaul a corno é sempre o último a saber, todos os dias passava em frente a esse bar e sempre soube de tudo, os vizinhos comentavam, os noiados reclamavam até do mal atendimento do filho do proprietário kkkk, e a polícia não sabia, kkkk é aquela coisa a propina uma hora não faz mais efeito.

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA