Compartilhe essa Notícia:


No município de Joselândia, a Prefeitura promoveu um seletivo visando à contratação de funcionários em caráter temporário, mas poucas pessoas ficaram sabendo da notícia.

Com salários entre R$ 1.100,00 e R$ 1.250, 00, o processo seletivo simplificado teve pouca divulgação, não sendo anunciando nos principais meios de comunicação locais. Não houve anúncios em programas de rádio, emissoras de TV da região, nem em jornais de grande circulação. Apenas um pequeno comunicado foi publicado no Diário Oficial da FAMEM. Ou seja, apenas quem é ligado ao novo governo é que ficou por dentro da notícia.

Com um prazo de apenas dois dias para inscrições (11 e 12 de fevereiro), a maior parte da população joselandense e da região ficou de fora do processo seletivo que foi lançado pelo Prefeito Raimundo Zuca (PDT).

Alguns advogados já se pronunciaram sobre a situação e estudam meios de denunciar o caso na Promotoria de Justiça para anular o processo seletivo.

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

8 Comentários

  1. Não existe secreto, Carlinhos, pede para o editor analisar. Eu imagino que a administração atual esteja tendo transparência.

    ResponderExcluir
  2. Eita Joselândia complicada kkkkk

    ResponderExcluir
  3. O sua fonte em nossa Cidade e desinformado pois o mesmo está sendo divulgado em blogs oficiais da cidade, acho que sua fonte e bodo apaixonado, é também estar no mural de prédios públicos de nossa Cidade

    ResponderExcluir
  4. Sou leitor diario do teu blog e sou aqui de Joselandia, mas devo dizer que aí tu foi bem pago Carlinhos para fazer a postagem, tu mesmo se contradiz com sua materia, postando a publicacao do seletivo, se ta publicado nao é secreto, e outra se tu estivesse vindo aqui em Joselandia ver a aglomeracao que foi as papelarias e a fila que tinha de entregas de titulo na prefeitura, tu mudaria o texto da materia.. mas se foi pago tem que postar o combinado.

    ResponderExcluir
  5. Essa turma é defensora de liberdade, democracia, meritocracia, etc, apenas no discurso, porque quando está no poder atua ao contrário.

    ResponderExcluir
  6. começou ja errado kkk

    ResponderExcluir
  7. Verdade, esse seletivo foi a maior falta de respeito com a população, todos sabemos q seletivo é prova de títulos, e o que aconteceu foi o seguinte, eles estavam jogando fora os títulos do pessoal, pq nesse seletivo só eram válidos os cursos de capacitação de 2020 até o momento, a graduação e a pós tinha o mesmo valor em pontos, todos nós sabemos q a pós vale uma determi ada pontuação e após-graduação já vale outra pontuação, os cursos de capacitação os quais pagamos e caros para fazermos, pq temos q passar dias estudando e realizar a avaliava o e pagar o boleto de 97, 54, 43, enfim, foram quase todos descartados por eles, gente esses cursos eles custam caro, teve pessoas q eles nem receberam o currículo vittae, muito menos as xerox dos dados pessoais, porém a FOTO 3/4 eles faziam questão pq ali eles identificavam a pessoa e a mesa já era desclassificada de cara se é que vcs me entendem.

    ResponderExcluir
  8. Esse seletivo já tava na cara quem ia passar nele, inclusive há um áudio circulando no Whats de uma senhor que compôs as mesa no dia da seleção de títulos, no áudio a senhora afirma que "você tá enganado, os competentes foram os que votaram no Raimundo, até porque votaram no Raimundo" o áudio afirma ainda que nesse primeiro momento eles não iriam aceitar NINGUÉM da "oposição" um total absurdo.

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA