sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Quadrilha indígena que aterrorizava BR-226 entre Barra do Corda e Grajaú é retirada de circulação

Grupo de índios presos

A Polícia Civil e Militar do Estado do Maranhão, por intermédio da 15ª Delegacia Regional de Barra do Corda, coordenada pelo delegado Renilto Ferreira, em trabalho conjunto com a Polícia Militar do 5º BPM, prendeu quadrilha de assaltantes que agia na BR 226, entre Barra do Corda e Grajaú.

O grupo é suspeito de diversos assaltos a mão armada, a ônibus e caminhões na reserva indígena Cana Brava, agindo na maioria das vezes de forma violenta, sendo que no último assalto houve confronto dos criminosos com policiais que estavam no interior de um ônibus, resultando no latrocínio tentado do qual um policial militar foi alvejado e ferido na testa.

Após uma semana de intensa investigações das duas policias, essa autoridade representou por mandados de prisões junto ao poder judiciário que foram deferidos e cumpridos na data de hoje, estando todo o grupo identificado e sua maioria 9 presos.

Deixo aqui meus sinceros agradecimentos a comunidade indígena que habita a BR 226, comunidade esta formada por cidadãos de bem que de forma muito honrosa apoio integralmente o trabalho da polícia e com esse apoio (por não pactuarem e muito menos aceitarem maus elementos em seu meio) possibilitaram identificação e prisão dos suspeitos, restando claro que o povo indígena dessa região, em sua intensa maioria, são pessoas de bem e honestas.

Do Blog do Luis Pablo

2 comentários:

  1. Seria bom se mandasse todos eles pra alcaçuz no RIo grande do norte la eles eram bem recebidos kkkk

    ResponderExcluir
  2. Manda esse fila da puta pra Natal. Lá é o melhor lugar pra eles.

    ResponderExcluir