segunda-feira, 6 de março de 2017
Prefeito de Esperantinópolis Alusinho e o vice-prefeito Dr. Rogério recebem da juíza Dra. Cristina e do promotor Dr. Xilon, os diplomas  
Na tarde desta quinta-feira (6), a justiça eleitoral de Esperantinópolis (MA), realizou a audiência de instrução e julgamento, referente ao processo contra o prefeito Aluisinho do Posto e o vice-prefeito Dr. Rogério Almeida.

O processo é uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE), movido pela coligação “A Força do Povo”, encabeçado pelo candidato a reeleição ao cargo de prefeito Dr. Raimundinho e, pede a cassação dos registros de candidaturas do prefeito e do vice-prefeito de Esperantinópolis, eleitos nas eleições municipais de 2016. A coligação “A Força do Povo”, através do advogado Chico do Adriano, afirma que a Coligação "Vitória do Povo", vencedora daquele pleito, captou votos de forma irregular.

- Uma das alegações, segundo o advogado do Dr. Raimundinho, a filha e o genro de Aluisinho do Posto, ambos médicos, estariam usando a profissão para captar votos para o empresário; inclusive com receitas médicas e doação de remédios.

- Segundo foi repassado ao blog, porém, o Ministério Público deu um parecer inicial desfavorável a essa alegação.

A audiência aconteceu no horário marcado, às 15h30, no Fórum Eleitoral de Esperantinópolis com a presença da juíza eleitoral Dra. Cristina Leal Meireles e o promotor eleitoral Dr. Xilon de Souza,

O ex-prefeito Dr. Raimundinho, não compareceu e foi representada pelo Ardson Arruda, que no período da campanha, também representou a Coligação. Ele estava acompanhado do advogado da Coligação, Dr. Chico do Adriano.

Continua em...
Durante a audiência, Dr. Chico do Adriano, surpreendeu a todos, ao renunciar ao mandato de advogado da Coligação; mas como a Lei Processual determina que, apesar da renúncia,  é obrigado a permanecer como advogado durante 10 dias, ele participou como advogado.

A coligação “A Força do Povo” não levou nenhum das testemunhas que eles mesmos arrolaram como acusadores.

O vice-prefeito, Dr. Rogério Almeida, e o advogado da Coligação, Dr. Zé Teodoro, representaram o prefeito Aluisinho do Posto, que estar em São Luís, recebendo uma Patrol.

A defesa também não arrolou nenhuma testemunha e nem teve interesse de produzir provas por considerar absurda a finalidade daquele processo.

No entanto, seguindo a ordem, a juíza . Cristina Leal Meireles deu prazo de 3 dias para as partes apresentarem diligências.

A Coligação de Aluisinho informou que não vai apresentar nenhuma diligência; acredita ser uma medida desnecessária e entende que a ação não tem cabimento.

O Ministério Público, através do promotor Dr. Xilon de Souza, informou que também não vai apresentar pedido de diligência.

Ainda assim tem que correr o prazo de três dias para os acusadores apresentar os pedidos, depois do pedido de diligência, a juíza vai abrir os prazos para apresentação das alegações finais e depois vem a sentença.

Portanto, não vai ter mais nenhuma audiência.

Foi uma audiência rápida por conta da não apresentação das testemunhas que foram arroladas pelos autores do processo.

Segundo informado, no caso de processo eleitoral, as testemunhas precisam comparecer em banca e não há necessidade da justiça notificá-las para comparecerem em juízo. O acusador e os réus têm que levar as testemunhas no dia da audiência.

Foi o que não aconteceu hoje. Então está fase foi marcado com um processo fraco de prova, sem consistência para levar à cassação de mandatos.

“Nós temos interesse que ação prossiga até o fim e que seja apurado todos os fatos; e nós estamos confiantes que essa ação será julgada improcedente”, comentou Dr. Rogério Almeida, vice-prefeito de Esperantinópolis e um dos investigados. 

14 comentários:

  1. Esse Dr. Rogério gosta de mídia e só pegar os áudios da soraya do povoado Jiquirir. ela fala porque votou em Aluísinho

    ResponderExcluir
  2. Esse advogado Chico do Adriano é fraco viu....

    ResponderExcluir
  3. O vice-prefeito, Dr. Rogério Almeida, e o advogado da Coligação, Dr. Zé Teodoro, representaram o prefeito Aluisinho do Posto, que estar em São Luís, recebendo uma Patro. Essa estória de petról é lobe segundo fontes seguras está viagem a são Luís é pra pedir o afastamento do promotor de justiça Xilon da cidade de Esperantinopolis o pedido é reforçado pede também a transferência do Delegado Diego Maciel da cidade de Esperantinopolis. o motivo porque o promotor tem lhe incomodado com muitas recomendações e notificações. E o delegado pediu ajuda do prefeito que ele deixe sua equipe como está, Aluísinho não gostou se negou ao pedido e aos gritos prepotentes diz provar que tem moral com o governador e tira todos a chutes na bumda pois aqui o prefeito sou eu Aluísinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É a pura verdade ele já visitou até o secretário de segurança

      Excluir
  4. Aluisinho tá nem aí. pois o que lhe interessa é conseguir transferir o promotor de justiça e Delegado. vamos aguardar o próximo capítulo

    ResponderExcluir
  5. Chora Dr. Foquite, chora oposição e chora Carlinhos.

    ResponderExcluir
  6. Eita q o Aluizinho agora ta é ferrado! Nem vai durmir mais! Vao procurar o q fazer saruêzada.

    ResponderExcluir
  7. Aceita que dói menos zaruezada kkkk

    ResponderExcluir
  8. Esse Aluizinho ta brincando com fogo,isso é coisa séria,o promotor e o delegado estão trabalhando muito pra colocar ordem na cidade,e esse bunda mole pensa que pode tirar uma autoridade assim.os tempos são outros,se isso vier acotecer nós vamos trazer a mídia nacional pra denunciar isso.

    ResponderExcluir
  9. Esse povo do Aluísinho é preocupado com esses Sarué que tão se lixando pra esses comunistas morto de fome.

    ResponderExcluir
  10. Pelos comentários de alguns nesse blog se vê que são pessoas que não tem conhecimento, pois, o Prefeito não consegue transferir promotor de seu município, o mesmo só sai se quiser, este é um direito do promotor garantido pela Constituição Federal, justamente para não ter ingerência política e sua total independência para agir quando necessário. Dou um conselho a vocês, antes de postar besteira estudem.

    ResponderExcluir
  11. Ele não tem competência para fazer a remoção do promotor de justiça, ele só sairá de sua comarca mediante a sua vontade

    ResponderExcluir
  12. O Dr. Rogério, pediu ao Dr. Chico do Adriano, que abandonasse a ação.E não deu outra... será que rolou $$$$ ???

    ResponderExcluir
  13. Meu amigo no maranhao pode e tudo inclusive pede a transferencia do promotor como ja aconteceu outras vezes.

    ResponderExcluir

Facebook

Visualizações deste blog desde março de 2012

Em Pedreiras e Trizidela do Vale


,

Hotel em Pedreiras


Motos Honda


Matricule-se no Faculdade W. F.



Excursão para Jericoacoara


Motel em Pedreiras


Contrate Banda Skema 5 de Pedreiras



Cacau Show em Pedreiras


Provedor de internet



+ Lidas