Compartilhe essa Notícia:

Pinheirão, Terra Seca, O Campo!
Um livro só talvez não coubesse às belas narrativas futebolísticas, histórias emocionantes, sem dúvidas, realizadas sobre o nosso velho campo de futebol, o Pinheirão!

Pinheirão é um dos nomes do campo de futebol de Poção de Pedras, o mais importante de todo o município, talvez! Hoje, com mais de 40 anos, ele está como que asfixiado entre o morro da Caixa-D’água e as casas do Bairro da Vila Borges.

O Campo recebeu o nome de Pinheirão, porque segundo alguns desportistas, ele foi doado pelo Sr. Leônidas Pinheiro, há quatro décadas. Já ouvi ele ser chamado de “Terra Seca” ou simplesmente de “O Campo”.

- O jogo no fim de semana será no Campo! – já sabíamos de que campo se tratava, era o Pinheirão.

Quantos campeonatos históricos jogados ali? Quantas partidas emocionantes ou importantes aconteceram em suas maus-traçadas linhas, desenhadas com cinzas e borradas com a terra vermelha de Poção de Pedras?!

O nosso campo nunca conheceu gramado e isso não o impediu de viver momentos de glórias, partidas emocionantes! Ali, nos anos noventa pisou Marcos Antônio, lateral esquerda da seleção tricampeão do mundo no México e o grande jogador Caçapava. Recebemos o Flamengo do Piauí e a Seleção de Poção de Pedras jogou diversas partidas em torneios intermunicipais. Sagrou-se campeão em vários desses torneios. O Eterno PAPI, nossa querida seleção de Poção de Pedras, teceu belas histórias sobre o campo do Pinheirão.

O povo de Poção de Pedras tinha o hábito de sair de suas casas nas tarde de sábado ou domingo para assistir partidas no Campo. Em volta do Pinheirão, centenas de pessoas debaixo de sol, em pé ou de cócoras, no desconforto, mas presentes para assistir as partidas de futebol.

Sobre isso, um dos mais significativos talentos que jogou no Pinheirão, Joerbe, me disse uma vez que entre os municípios vizinhos, o povo de Poção de Pedras são os que mais prestigiam partidas de futebol. Quando algum time ou mesmo a  seleção de Poção de Pedras visitava outros municípios, só encontrava a cabocada ao redor do campo. Poção de Pedras tem mesmo uma torcida apaixonada pelo futebol!

Mazinho Loyola é o menino louro no centro
O Pinheirão também ajudou a forjar um craque que encheu de orgulho o povo de Poção de Pedras. Falo de Mazinho Loyola, um grande jogador de destaque nacional e que chegou atuar em clube da Primeira Divisão, como São Paulo, Corinthians e Internacional. Foi no Pinheirão que ele articulou suas primeiras jogadas que o levaria a atuar nesses grandes times do Brasil e em outros do exterior. (veja a foto ao lado).


Mazinho Loyola vive hoje em Fortaleza, mas acredito que ele sinta saudade quando jogava suas peladas no velho “Terra Seca”.
Mazinho Loiola o poçopedrense
que atuou em grandes times do Brasil
UMA PARTIDA QUE MARCOU A  HISTÓRIA DO PINHEIRÃO

O PAPI era a Seleção de Poção de Pedras. Era o time imbatível dentro de nossas fronteiras. Batia impiedosamente todos os outros times locais. Por vários anos, a seleção de Futebol de Poção de Pedras era única e exclusivamente os jogadores do PAPI POÇÃO DE PEDRAS.

O Nacional da Rua Nova sempre amargurava o gosto da derrota diante do PAPI. Por mais que seus jogadores se esforçassem e vertessem sangue sobre a terra do Pinheirão, a vitória não vinha. O troféu sempre seria do PAPI. Mas num jogo histórico, aguerrido, homérico, em meados dos anos 90, com dois gols impiedosos do Marivaldo, o Nacional da Rua Nova conheceu, pela primeira vez, o gosto da vitória, e a consagração de conquistar o título batendo na final o todo poderoso PAPI. Pergunte para o Marivaldo (Nacional da Rua Nova) ou para o Joerbe (PAPI) sobre os detalhes daquela partida histórica! (Por que os detalhes dariam uma postagem a parte).





Esse pequeno relato serve-nos para confirmar que nosso futebol tem sua magia, sua emoção genuína, sua bases históricas, teve e tem grandes desportistas e possui uma torcida fiel e apaixonada. Esse conjunto de qualidade demonstra que mereceríamos um estádio adequado para comportar tamanha paixão pelo futebol.

REALIDADE DO CAMPO HOJE

O Estádio nunca foi construído em nenhuma administração, até a presente data. Os espaços em volta do Pinheirão, onde deveria ser construído boa parte da estrutura do Estádio, arquibancadas principalmente, foram sendo ocupadas com casas e mais casas (isso aconteceu porque não construíram o estádio). Hoje só restou o quadrado do campo.

O Pinheirão é um campo aberto, sem muros ou sem grades, sem manutenção, sem iluminação, com canos estourados a sua volta, com porcos fuçando, animais soltos, com dejetos escorrendo, e infelizmente, sendo utilizado para a prática de um dos mais doloroso males de nosso tempo: o consumo de drogas. A principal Praça de Esporte de Poção de Pedras, o nosso querido Pinheirão, que deveria ser usado para tirar nossa juventude desse perigo, está sendo empregado como local para o consumo de drogas e também para práticas de outros crimes. Até um cadáver já foi encontrado no Pinheirão!

Esses 40 anos de história usado incessantemente em favor do esporte de Poção de Pedras, merece nossas considerações, respeito e agradecimentos. O Pinheirão já fez muito pelo desporto poçopedrense e agora precisa de nossa atenção e de nossos cuidados.

Poção de Pedras conheceu momentos de gloria nos esportes e esses momentos poderão voltar se as autoridades públicas se empenharem para isso. O prefeito Gildásio, em sua entrevista ao Blog do Carlinhos, reconheceu que Poção de Pedras é o único município da região que ainda não tem um estádio municipal. Uma realidade lamentável para um povo que ama de tal maneira o esporte, em especial, o futebol!

Encerrando a postagem gostaria de homenagear mais alguns nomes que fizeram história dentro das linhas do Pinheirão.


Jogadores: Mazom, Marivaldo, Josafá, Joerbe, Bentivi, Pelezim, Carreta, Casão, Careca, Professor Roberto, Santana Bilu, kleber da kinosa, Careca Reis, Zé Alves, Zuca, Nestor, Jansen, o goleiro João Precisão, Chico Cagado, Antônio da Menta, Manoelzinho, Castro do Sampaio Correia, Lambau, Mazim, Zé Careca, Macêdo, Zé Alves, Claudiomiro, Genivaldo, Capelão, Butazona (Sebasdtião), Valcí, Antonio Cícero, Mudubim, Manin e outros.

Incentivadores de nosso futebol: Noel, Chico Abel, Evaristo, Cícero Meleiro, Luisinho da Farmácia, João Passarinho...

CURIOSIDADES

Fui informado que a partida de maior público no Pinheirão foi realizada no ano de 1981, no jogo SEPP 1X3 União Bandeirantes, dois times de Poção de Pedras. Calcula-se que em torno de 4 mil pessoas assistiram aquele jogo.

O futebol de Poção de Pedras vivenciou o seu apogeu nos anos 70,  após a Seleção Brasileira conquistar o tricampeonato mundial no México.

Fotos de 1989 - Quem os nomes dessas personalidade?
A maioria dos grandes talentos de Poção de Pedras se formaram naquela década: o Vasco do Manin, o Flamengo do Luisinho, o  Santo do Seu Noel, o SEEP  e o União Bandeirantes.



SEEP (Sociedade Esportiva Poçopedrense), o GRÊMIO e o CTA (não sei o significado da sigla) que era formado por poçopedrenses que estudavam em São Luis.

Nos início dos anos 80, o campo foi cercado com talos de côco e para assistir as partidas, os torcedores precisavam pagar pelos ingressos. Mesmo com ingressos cobrados, o campo lotava.

Fotos atuais do Campo Pinheirão:








NOSSAS AUTORIDADES

Sobre projetos para revitalizar o campo do Pinheirão e a construção de um estádio, enviei mensagens ao prefeito Gildásio, ao pré-candidato Junior Cascaria, e ao secretário de Esporte do Município, Mano, apenas o Mano respondeu as mensagens.

Segundo Mano, o município enviou recentemente um projeto, esse projeto contou com apoio ou a intermediação do Pr. Bel e tem a finalidade de angariar recursos que servirá para a construção de nosso Estádio. Ele disse que está sondando um terreno adequado para construção dessa arena, mas um dos grandes problemas no que tange a compra de uma área para esse proposito, é que assim que o proprietário entende que o dinheiro da compra vem dos cofres do município, ele inflaciona o valor do terreno de tal maneira que fica inviável a compra pelo município. De todo modo, Mano assegura-nos que a qualquer momento, teremos mais novidades sobre a liberação dos recursos para a construção do Estádio.

O secretário Mano disse-nos também, que a secretária de Esporte tem investido no desporto em todo o município. Segundo ele, a secretária municipal tem realizado torneios de futebol Societe na ABB, campeonatos de veteranos, torneios de futsal na quadra, campeonatos de futebol na zona rural e até torneios de futebol de areia no povoado Fortaleza Beira- Rio. E que graças aos investimentos no esporte de poção de Pedras, nossa seleção ficou em 4º lugar, no campeonato da Trizidela do Vale, em que 14 seleções disputaram aquele torneio.


(Fotos do campo: Aílton Pontes) 
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

14 Comentários

  1. é verdade que o prefeito de poçao tem uma quadra de esporte na casa dele?

    nao sei, essa desculpa de terreno é muito suspeita - nao acredito! assim tambem como a historia do matador.

    secretario do esporte de poçao de pedras, nao basta construir , se vier a construir né !, sua gestao é importante porem falta a competencia para pARA O senhor entender que o esporte precisa fazer parte da grade escolar de criaças, jovens, adolecentes e adultos. que nao basta cadastrar em campeonatos, é preciso isso tenha base para crescer e ter suporte aos seletos principais esportistas.
    professores de educação fisica misericordia meu Deus , cadê os capacitados?

    ResponderExcluir
  2. Também chamado de "Campão" pq era o maior de poção!

    ResponderExcluir
  3. O tempo passou, e o Pinheirão, continua o mesmo, também joguei air kkkkkkkkkkkkkkk, doces lembranças, saudades desra terrinha amada e querida!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Euclides Pereira Salviano (kid)16 de junho de 2012 11:03

      Lindaura, infelizmente nossas vidas estão sujeitas à alegria e decepções, e hoje é mais uma decepção na minha vida, quando lembro que eu fui o primeiro juntamente com, Leonidas Pinheiro, diga-se de passagem meu padrinho de casamento, juntamente com Chico Evaristo, construir o PINHEIRÃO, QUERO TE LEMBRAR QUE NA DÉCADA DE 70, JÁ TINHA DOIS JOGADORES DE fORTALEZA, no futebol de Poção de Pedras, eram eles, Ronivon, goleiro e o Pirrita, meia armador, sem falar no Dr. Pipirão de Pedreiras, e o Airton um renomado JORNALISTA, em São Paulo, o mesmo era composto por: BATISTA,WILSON,BERNARDO BODE, ELIAS, TODOS DO BARRO VERMELHO, e o LAMBÚ da Água Branca, eo Kid Salviano, considerado o melhor jogador da década

      Excluir
  4. em primeiro lugar gostaria de parabenizar o blogueiro por essa importantimas materia.ai foi tempos bons.gostaria de resaltar que nossa cidade ja foi palco do esporte onde existir campeonatos times e bons para disputar qualquer campeonato regional.hoje a realidade é outra campo abandonado,serve somente para usurios de drogas e prostituição e nada mais como vocês pode ver nas fotos a cima da materia o esporte é um verdadeiro descaso em nossa cidade não existem campeonato,jogos escolares,motivão por parte do secretario de esporte não sei nem se existem de fato pois no papel são muitos secretarios.pois não só dessa administração não as passadas também.pois umnicos que ainda investiu no esporte foi Dr.luis,Borges,e Bebe. na epoca os secretarios tinha se não salve engane o prof. roberto.hoje é desca total é uma realidade das realidade que os que aida gosta do esporte estão investindo particulamente é o caso do Dr. Emilton,e Amigos como Regildo,Dr.Bandeira,e outros como também o do Paulinho da loja que estar construindo um campos cberto.e Dr.Gildasio quem também estar relizando uma grande obra ao lado de sua casa que é uma quadra de esporte completa com psina bar e tudo que tem direitos é isso memso.é um investimento do prefeito no esporte em poção de pedras.isso é porque ele ama o esporte.

    ResponderExcluir
  5. Carlinhos, parabéns pela matéria. Quantas recordações.... Lembrei-me agora daquela música do Roberto Carlos: JOVENS TARDES DE DOMINGO,VELHOS TEMPOS, BELOS DIAS....
    MARIVALDO

    ResponderExcluir
  6. FUTEBOL: UMA PAIXÃO! TÁ VENDO PREFEITO GILDASIO? QUEM MANDOU TRABALHAR? QUANDO A COMUNIDADE TEM UM GESTOR Q TRABALHA E FAZ O Q VC FEZ NESTES 3 ANO E MEIO ACABAM QUERENDO Q VC FAÇA TUDO AQUILOS QUE NENHUM DOS OUTROS GESTORES FEZ. O ESTADIO DE FUTEBOL É MAIS UM DOS SONHOS DA POPULAÇÃO Q VC VAI REALIZAR NO SEU PROXIMO MANDATO POIS TENHO CERTEZA Q SEREMOS VITORIOZOS NESTA ELEIÇAO POIS VC É UM VENCEDOR, CAMPIÃO E O POVO ESTÁ DO SEU LADO. CONTE COMIGO. UM 45 Q VAI VOTAR NO 55!

    ResponderExcluir
  7. Pois é um Pinheiro doou o terreno (Leônidas), e o outro Pinheiro (Cascaria), vai construir o tão sonhado campo de futebol rsrsrsr simples assim.

    ResponderExcluir
  8. Pois é um Pinheiro (Leônidas) doou o terreno e outro Pinheiro (Cascaria) vai construir o tão sonhado campo de futebol, rsrsrsrrs.

    ResponderExcluir
  9. Puxa Carlinhos, como você foi feliz em resgatar a filosofia do esporte de Poção de Pedras. Isso me fascina e, como diz os Nonatos (cantadores da Paraíba), me faz rever o filme outra vez. Lembro dos grandes colaboradores que fizeram parte dessa história, a saber: Noel (tenho muitas saudades dele), Chico Abel (Bob Moore), Luizinho da farmácia, João Passarinho, Jacó e Vanquiles. Felizmente, hoje, ainda temos grandes colaboradores que amam e incentivam o futebol, como o Dr Emilton (botafoguense), Dr Bandeira, Manoel Eloi, Roberto da Tereza e alguns outros. Conheci, na época, grandes craques com o Kid Salviano que, para mim, foi o melhor zagueiro da história de PP, bem como Manoel Eloi, Zé Alves, Pelezinho, Hermane Macêdo, Gil do Mário Sá, Jansen e, o saudoso Zé Nilton Pinto. Como seria bom bom se vc dispusesse de algum tempo para fazer uma pesquisa mais acurada sobre os grandes momentos do passado futebolístico da cidade e averiguar que, o maior espetáculo de futebol da história de PP, ocorreu no Pinheirão, no dia 7 de setembro de 1978, na final do torneio da Independência entre SEPP e CTA (Clube Tocado à Álcool), que contava com Pombo
    Correio, Lourival do Zé Flor, Vilson do Prof Ribamar, Humberto do Mário Sá, o saudoso Evaristo Liberato, Luizinho da Farmácia, Evandro Liberato, Felipe Monteiro Luz, Cristóvão Sousa Barros, Pedro Patife Macêdo e o saudoso Zé Nilton Pinto. No dia, o Pinheirão contava com mais de 4.000 torcedores, onde o CTA ganhou o tradicional SEPP pelo placar de 2x1. O SEPP estava reforçado com uns bons jogadores do Poço Bonito, onde fizeram 1x0 logo no primeiro tempo. Mas no segundo tempo o CTA partiu com tudo para cima do SEPP e, mais ou menos aos vinte minutos, empataram o jogo. O jogo continuou acirrado até que, aos 40 min, o CTA virou o jogo para 2x1. Para a minha felicidade o gol da vitória foi meu, com um chute de antes do meio de campo e com com a perna canhota, que não era a minha boa.
    Iniciativas como essa sua Carlinhos, pode ser que venha a comover autoridades da cidade a investir, pelo menos o mínimo necessário, para o esporte da cidade. O potencial existe e o povo gosta, o que falta é a prioridade e a boa vontade para o investimento nesse seguimento. Um grande abraço.

    Felipe Monteiro Luz

    ResponderExcluir
  10. QUE VERGONHA HEIMM.VER UM LUGAR QUE JÁ FOI PALCO DE GRANDES ESTORIAS DA CIDADE DE POÇÃO DE PEDRAS NESTE ESTADO.QUE VERRRRGONHA...

    ResponderExcluir
  11. QUEM DISSER QUE O PREFEITO GILDÁSIO NUNCA FEZ UMA QUADRA DE ESPORTE ESTÁ MENTINDO, POIS NA CASA DELE ELE TÁ FAZENDO UMA ENORME.

    ResponderExcluir
  12. parabéns pela matéria, olhei nesse campão um artista da bola chamado Josafá. Um canhoto que chutava com direita da mesma forma.maestro em campo. saudades eternas

    ResponderExcluir
  13. QUER ESCREVER UM LIVRO SOBRE A HISTORIA DO FUTEBOL DE POÇAO? PROCURA ENTRAR EM CONTATO COM O PESSOAL Q O FELIPE CITOU.ANTES Q A HILDELENE COMPRE ESSA IDEIA

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA