Compartilhe essa Notícia:


Na manhã desta segunda-feira (26), a partir das 08h, a Secretaria Municipal de Saúde de Igarapé Grande realizou palestras sobre Aleitamento Materno e Alimentação Complementar, em alusão ao “agosto dourado”. As atividades ocorreram na Igreja Batista Nacional, em Igarapé Grande (MA).

O leite materno é o principal alimento para os bebês e o tema ganha destaque com o agosto dourado, mês que celebra a amamentação como a base para a vida. A ação foi realizada pela doutora e pediatra Helma Maciel, com a participação de enfermeiras, agentes comunitários de saúde, nutricionista, fisioterapeuta, assistente social e técnicos e auxiliares de enfermagem.

O intuito é chamar a atenção para a importância da amamentação e da doação de leite humano. O debate mostrou aos profissionais de saúde como a amamentação é benéfica para a mãe e o recém-nascido. O leite reduz as taxas de mortalidade infantil e contribui para a qualidade de vida da população infantil e materna. 

O momento servirá ainda para esclarecer dúvidas e orientar as mulheres sobre a amamentação. As equipes de saúde também vão estar na ativa para o Programa de Incentivo ao Aleitamento Materno. Na ocasião da palestra houve sorteio de brindes.

“Essa palestra é muito importante para conscientizar as mães em defesa de uma amamentação exclusiva para a saúde da criança e que vai determinar uma futura vida saudável da pessoa”, disse a pediatra Dra. Helma Maciel.


Dra. Helma Maciel
Alimentação complementar 

A nutricionista Nara Paulino falou sobre uma alimentação saudável, como a amamentação exclusiva até os seis meses, podendo ser complementada até os dois anos de vida da criança. 

Alimentação complementar refere-se aos alimentos preparados especialmente para a criança ou que são consumidos pela família. Tem que ser bem cozido, com pouco sal e pimenta, podendo ser amassado, desfiado, picado, facilitando assim o consumo. 

Os alimentos complementares contribuem com o fornecimento de energia, proteína e micronutrientes, além de preparar a criança para a formação dos hábitos alimentares saudáveis no futuro.

“Falei sobre uma alimentação saudável e natural, para crianças de seis meses até dois anos de idade, sobre a importância dos pais que é fundamental e também, dos malefícios dos alimentos industrializados”, disse a nutricionista Nara Paulino.

Nutricionista Nara Paulino
“A palestra foi importante e serviu pra eu entender um pouco mais, como cuidar da alimentação do filho e a minha também”, falou a mãe Daiane Moita.

Daiane Moita
ASCOM – Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Igarapé Grande (MA).

Confira as fotos do evento








































⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA