quarta-feira, 9 de outubro de 2019

TRIZIDELA DO VALE - Idoso que assassinou dono de lava-jato alega legítima defesa

O acusado: Luís Antônio, o "Luizão".
Na manhã de ontem (8), o idoso Luís Antônio Campos de Nascimento, mais conhecido como Luizão, se apresentou na 14ª Delegacia Regional de Pedreiras. Ele é acusado de assassinar o dono de lava-jato, Antônio Wallison Lima, conhecido como "Toin do Lava Jato"

Apesar do idoso ter se apresentado com seus advogados, havia um mandado de prisão que foi cumprido anteriormente pela Polícia Civil. 


Segundo informações, Luizão ceifou a vida da vítima com um golpe de faca. O crime ocorreu na última quarta-feira (2), por volta das 20h, na Rua Nova Brasília em Trizidela do Vale.

O acusado afirmou não ter envolvimento em nenhum outro crime e durante o interrogatório, ele chegou a alegar legítima defesa. Luizão afirmou que a vítima lhe deu um empurrão e fez menção de que iria sacar uma faca. Foi nesse momento que o acusado desferiu o golpe contra o abdômem de Walisson. 

Luís Antônio foi enviado à Unidade de Ressocialização (Presídio) de Pedreiras, onde ficará à disposição do poder judiciário.

A vítima: Antônio Walisson

3 comentários:

  1. Pra início de conversa o assassino foi enviado à unidade de ressocialização, onde terá um tratamento "socialista". Resumindo, haverá consumo de muita energia, recursos financeiros, aporrinhacoes, latim em excesso de dar nojo, carradas de juridiquês, etc, blá blá blá, etc, se, se, mais uma vez, condenado, sairá na primeira "saída temporária" (São mais de 12 por ano.

    ResponderExcluir